06.04.2017

Inbound Marketing, Marketing de Conteúdo, Marketing Digital

Inbound Marketing: o que é e como utilizá-lo na sua estratégia

O Inbound Marketing se baseia na ideia de criação e compartilhamento de conteúdo voltado para um público-alvo específico, para conquistar a permissão de comunicar com seu potencial cliente de forma direta, criando um relacionamento que pode se tornar duradouro. No momento certo, levamos conteúdo de qualidade para ajudar o prospect a fazer a melhor escolha. Isso funciona, pois sua empresa para de interromper os usuários e passa a ajudá-los.

Esta é uma estratégia de médio a longo prazo. Pois quanto mais conteúdo você tiver, mais você consegue ajudar seus leads. Quanto mais ofertas, mais você consegue obter e qualificar seus leads. Quanto mais tempo, mais você consegue entender o que funciona e o que não funciona. Através do Inbound marketing, as marcas são encontradas mais facilmente na rede e os consumidores direcionados aos sites, através da geração de conteúdos que agreguem valor.

O objetivo do Inbound Marketing não é apenas o da conversão imediata. Ele funciona muito bem como estratégia para a captação de Leads para o seu negócio, ou seja, chamar para o seu site, lista de e-mails ou rede social, um grupo de pessoas que esteja realmente interessado em seu produto ou serviço.

O Inbound Marketing serve para 5 grandes ações:

  • Aumentar a visibilidade de seu negócio;
  • Diminuir o custo de aquisição de seus clientes;
  • Atrair clientes em potencial;
  • Gerar conteúdos que fazem diferença;
  • Otimizar o processo de vendas.

Quando produzimos e divulgamos o conteúdo correto, as pessoas absorvem melhor as informações e ficam mais propensas a interagir. Mas para isso acontecer, é necessário produzir um conteúdo de qualidade. Fazer uma pesquisa é muito importante para definir as personas e o público que comprará seu produto, além do tipo de conteúdo que ele absorverá melhor. É importante lembrar que a comunicação com os leads podem surgir através de diversos canais, como redes sociais e motores de busca. Procure saber se seus clientes passam mais tempo no Twitter ou Facebook, ou fazem mais pesquisas no Google.

Para fazer com que visitantes se tornem clientes ativos, entender cada fase do processo é essencial. Nessa etapa entra o conhecido funil de conversão, uma espécie de passo a passo até a venda.

Podemos dividir o processo de Inbound Marketing em 5 etapas principais:

  • Atrair tráfego;
  • Converter visitantes em leads;
  • Converter leads em vendas;
  • Fidelizar clientes;
  • Encantar seus clientes e transformá-los em promotores da sua marca.

Quanto mais se conhece os leads, mais dinâmico se torna o processo. Estar atento as deixas de lançar conteúdo é um grande diferencial para quem deseja trabalhar com Inbound Marketing. Busque sempre personalizar suas publicações e lançamentos.

Todas essas etapas são feitas por meio de ações e técnicas integradas (SEO, blog, mídias sociais, e-mail marketing, landing pages, etc), que são monitoradas por uma ferramenta. Assim, é possível mensurar e analisar os resultados, para que as táticas sejam aprimoradas continuamente e a estratégia seja, de fato, eficiente. Com o auxílio dessas ferramentas torna-se fácil analisar o número de visitantes do site, leads, acessos nos blog posts, número de cliques nas landing pages, conversões e diversas outras métricas. O Inbound Marketing permite a apresentação de resultados, acabando com aquela ideia de que o investimento em marketing é uma aposta no escuro.

Relacionados